EnglishGermanItalianPortugueseSpanish

40 anos do Centro das Mulheres do Cabo é festejado com Seminário

Publicado por: em 27/03/2024
Categorias: Notícias
Tags: , , , , ,

Foi em grande estilo o Seminário que comemorou ontem (26), os 40 anos do Centro das Mulheres do Cabo (CMC), no SEST/SENAT que reuniu parceiras, representantes do governo, equipe da instituição feministas e amigas/os de longas datas.

O evento foi dividido em blocos tendo a participação da pesquisadora Cristina Buarque, Itanacy Oliveira da diretoria colegiada da Casa Mulher do Nordeste (CMN),e da Rede de Mulheres Negras de Pernambuco, Talita Rodrigues da equipe e pesquisadora do SOS Corpo e a secretária da Mulher do Cabo de Santo Agostinho Walkiria Alves.

Já o segundo bloco teve a participação de Luiza Leitão do UNICEF/Brasil, a professora doutora da UFPE Ana Veloso e o grande parceiro e consultor do CMC Avanildo Duque e Jorge Romano da Actionaid/Brasil.

De acordo com a coordenadora-geral do CMC, Izabel Santos, os temas de debate reforçam justamente o trabalho que a organização tem promovido ao longo das últimas quatro décadas, que é “mostrar para as mulheres que elas podem viver uma vida com mais justiça social, com mais dignidade, e com espaços igualitários”.

“O CMC hoje faz 40 anos! São quatro décadas levando o empoderamento para as mulheres das comunidades do Cabo de Santo Agostinho, da Mata Sul de Pernambuco e – por que não dizer – do mundo. O nosso trabalho está focado em linhas muito fortes que tem a ver com o feminismo que a gente defende, que é baseado no empoderamento das mulheres e meninas, no enfrentamento das violências e na formação política. Através da metodologia da Escola Feminista, essas mulheres se percebem como sujeito político e se organizam para fazer e buscar acesso a políticas públicas”, explicou a feminista.

Um dos momentos de emoção foi a exibição do vídeo dos 40 anos do Centro das Mulheres do Cabo produzido pela cineasta @ceciliadafonte que emocionou o público presente.

CMC

Fundado em 25 de março de 1984, o CMC é uma organização de mulheres que desenvolve ações voltadas para o fortalecimento do feminismo popular no Cabo de Santo Agostinho e nas cidades da Região da Mata Sul de Pernambuco.

Entre os principais objetivos da organização estão: o empoderamento de mulheres para incidência política nos espaços de decisão da democracia representativa, participativa e direta; a garantia dos direitos e o fortalecimento do exercício da cidadania das crianças, adolescentes e jovens; e o desenvolvimento institucional na perspectiva da valorização de pessoal e da sustentabilidade político-financeiro.

Além de fazer parte da Associação Mundial de Rádios Comunitárias (Amarc Brasil), o CMC também integra os Conselhos Municipais de Educação e Saúde e o Conselho Estadual dos Direitos da Mulher. A organização ainda participa de redes e fóruns como a Articulação de Mulheres da Mata, o Comitê de Enfrentamento à Violência e ao Feminicídio no Território de Suape (Comfem), a Rede Latino Americana e do Caribe de Combate à Violência Sexista, a Associação Brasileira de Organizações não Governamentais (Abong), Fundo Malala, Campanha Nacional pelo Direito à Educação, o Fórum de Juventudes do Cabo (Fojuca) e a Articulação Nacional de Centros de Defesa da Criança e do Adolescente (Anced).

Foto de Marcelo Ferreira

 

Skip to content