EnglishGermanItalianPortugueseSpanish

CMC realiza a maior caminhada do 8 de Março nesses últimos 40 anos

Publicado por: em 11/03/2024
Categorias: Notícias
Tags: , , , ,

Mais de 2 mil mulheres lotaram as principais avenidas e ruas do Cabo de Santo Agostinho, na Região Metropolitana do Recife (RMR), nesta última sexta-feira (8). A caminhada do Dia Internacional da Mulher comemorou os 40 anos de conquistas do Centro das Mulheres do Cabo (CMC) e exigiu o fim da violência de gênero.

A 40ª Marcha foi histórica, pois levou meninas, adolescentes e mulheres das diversas comunidades da nossa cidade e dos municípios vizinhos de Escada e Ipojuca ecoando uma só voz: “É pela Vida das Mulheres que lutamos. A nossa luta é por direitos, mulher não é só bunda e peito! Por mim, por nós e pelas outras!” foram essas e outras palavras de ordens entoadas ao longo do ato.

Para a coordenadora geral do CMC, Izabel Santos, a junção de mulheres plurais deu a tônica da caminhada que já é um evento tradicional na cidade. “Estamos juntas para realizar a Caminhada dos 40 anos do Centro das Mulheres, pois hoje é um dia de luta e de festa”, afirmou a feminista.

Houve uma parada da Caminhada emblemática na Praça da Estação, sendo um local próximo no qual a empresária Eudina Sobral foi vítima de feminicídio dentro da sua própria casa, em 2019, e até o momento o assassino não foi a julgamento. “Eu fico lutando para que ninguém esqueça, porque a minha família sofre muito, e para que a morte da minha mãe não fique impune”, desabafou Ednaje Sobral, filha da Eudina.

A costureira Severina Arruda, revelou que mesmo com o joelho doendo jamais perderia o evento das mulheres. “Mesmo estando com os joelhos doendo, estou firme e forte e empoderada”, disse entusiasmada.

Este ano, a Caminhada percorreu a Avenida Historiador Pereira da Costa, Avenida Visconde de Pelotas, a Rua Joaquim Nabuco e finalizou na sede do Centro das Mulheres do Cabo, localizada na Rua Padre Antônio Alves, n° 20, Centro do Cabo.

O encerramento da caminhada foi marcado por uma linda apresentação do Coral Orquestra Fantasia da Juventude Lírica, e da cantora Ava Guimarães, que levantou a mulherada com diversas canções .

Da Assessoria de Comunicação do Centro das Mulheres do Cabo
Skip to content