EnglishGermanItalianPortugueseSpanish

Um bate-papo inesquecível com Malala

Publicado por: em 19/01/2024
Categorias: Notícias
Tags: , , , , ,

Nervosa e alegre eram as únicas palavras que podiam definir como eu estava me sentindo. Tenho certeza de que minhas colegas do projeto Meninas em Movimento pela Educação compartilhavam a mesma empolgação. Eu mal podia acreditar que Malala visitaria nossa comunidade para saber como mudamos a vida de outras meninas. Somos ativistas e, juntas, combatemos a evasão escolar no Cabo de Santo Agostinho, uma comunidade desfavorecida no estado de Pernambuco, Brasil. O projeto é implementado pela organização sem fins lucrativos Centro das Mulheres do Cabo (CMC).

A notícia de que Malala visitaria o Brasil e se encontraria conosco foi uma grande surpresa. O fato de minha amiga Katia Raissa e eu não somente termos a oportunidade de conhecer Malala pessoalmente, mas também de entrevistá-la no nosso programa de rádio me deixou muito animada.

Malala visitou três regiões brasileiras para se encontrar com meninas como nós, ativistas pela educação e autoridades locais, regionais e nacionais para promover a educação de meninas no Brasil. Entre tantas/os, ela escolheu nos encontrar.

“Um dos meus maiores sonhos para as meninas no Brasil: que todas nós possamos alcançar o que queremos e obter a educação superior que desejamos e merecemos. Quero que todas nós nos tornemos médicas, enfermeiras, advogadas, jornalistas e ativistas.”

Desde que começamos a realizar buscas ativas em nossa comunidade, cerca de 40 meninas retornaram à escola. Com o poder de nosso ativismo e pesquisas sobre as causas do abandono escolar, convencemos as autoridades locais a elaborar um plano municipal e estabelecer um comitê intersetorial de combate à evasão escolar – um problema que afeta milhões de meninas devido a casamento e gravidez precoces, violência baseada em gênero, trabalho doméstico, longas distâncias e transporte público inacessível para chegar à escola. Por meio da campanha #OcupaMenina, participamos de marchas pela igualdade de gênero, participamos de treinamentos e nos envolvemos em diálogos com autoridades em audiências públicas, fóruns e até mesmo na Prefeitura do Cabo de Santo Agostinho, onde atuei como prefeita por um dia.

Parte de nosso ativismo é dedicado à criação de conteúdo. Desde outubro de 2021, nós, integrantes do projeto Meninas em Movimento pela Educação, lideramos o programa de rádio “Papo de Menina”, no qual compartilhamos nossos desafios e esperanças como estudantes e ativistas. Entrevistar Malala foi uma tremenda responsabilidade. Antes da entrevista, convidamos a Nobel da Paz para dançar uma tradicional “ciranda” conosco — uma dança típica de Pernambuco em que participantes formam um pequeno círculo, de mãos dadas. Pensamos que isso nos ajudaria a relaxar e nos energizar para o grande momento!

Iniciamos o programa com um trecho da música que criamos para nosso projeto, chamada “Menina, Não Vou Deixar Você Parar de Sonhar” e, depois, começamos a fazer nossas perguntas para Malala.

A principal pergunta que eu queria fazer era sobre o sonho de Malala para as meninas do Brasil. Fiquei muito emocionada ao descobrir que ela tinha preparado a mesma pergunta para nós! Malala respondeu que o Brasil é um país grande e importante com altas taxas de abandono escolar. Quando ela conheceu mais sobre nossa realidade, entendeu o quão importante era apoiar programas no Brasil. Percebemos como tivemos sorte de ter o apoio dela para implementar nosso projeto feminista em nossa comunidade.

“Que aprendi com minha entrevista com Malala é que nós, meninas, podemos ser o que quisermos, e nunca devemos parar de sonhar.”

Em resposta, expressei um dos meus maiores sonhos para as meninas no Brasil: que todas nós possamos alcançar o que queremos e obter a educação superior que desejamos e merecemos. Quero que todas nós nos tornemos médicas, enfermeiras, advogadas, jornalistas e ativistas.

Foi uma troca tão emocionante! O que aprendi com minha entrevista com Malala é que nós, meninas, podemos ser o que quisermos, e nunca devemos parar de sonhar.

Thuézia Souza é uma menina ativista que pesquisa as causas da evasão escolar de meninas no Cabo de Santo Agostinho, em Pernambuco, Brasil. A jovem compartilhou seus sonhos para o futuro das meninas em uma entrevista de rádio exclusiva com Malala.

Crédito da foto: Yasmin Velloso

 

Skip to content